Creative Commons License
"O Mundo Mágico de Horseman" by HorseMan®.

Veja no MUNDO MÁGICO DE HORSEMAN (Headlines) :

Hoje é...

sábado, 13 de junho de 2009

Chega, vou embora daqui !

"Antigamente, as pessoas ficavam
de joelhos para o FMI. Vocês viram que engraçado:
esta semana eu emprestei US$ 10 bilhões
para o FMI".

Asco. Revolta. Indignação. Não sei. Acredito que ainda está para ser inventada uma palavra que consiga sintetizar com total perfeição o sentimento que me acomete depois de ler mais este disparate proferido por este pseudo-presidente. Nunca tive vergonha de ser brasileiro. Nunca suportei ver ninguém falando mal da nossa Pátria. Mas confesso que, ultimamente, tenho sido obrigado a rever meus conceitos acerca disso.

Em primeiro lugar, senhor presidente, eu digo que NÃO. NINGUÉM achou graça nenhuma em saber que tiramos do nosso bolso US$ 10 BILHÕES para ajudar o FMI. Ninguém mesmo. E quer saber quem menos riu disso tudo ? Todos que precisam enfrentar as estradas esburacadas, mal sinalizadas e abandonadas por este país afora. Assim como aqueles que já perderam parentes e amigos vítimas de bêbados irresponsáveis nestas mesmas estradas. Criminosos que, não estão presos porque as cadeias estão superlotadas e não vemos ninguém investir um níquel sequer na construção de novos presídios. Criminosos que não são tirados do volante porque a polícia não tem nem bafômetros nem efetivo suficientes para a fiscalização.

Quem passa horas no frio, na chuva ou quarando ao sol em uma fila do INSS esperando pelo atendimento médico que não chega também não achou muita graça desse tal empréstimo. Muito menos quem sabe que um dia, vai acabar morrendo na tal fila porque não existem médicos, nem infra-estrutura nem remédios pra atender à população. E não estamos falando dos "bandidos" de olhos azuis e pele branca. Estes, burgueses malditos, ainda têm como pagar do próprio bolso pelo serviço de um bom médico. Estamos falando daqueles que lhe apóiam, que votam no senhor e que o sentaram aí nesta cadeira. São DESSES que estamos falando.

Outros que também não deram uma risadinha foram os professores brasileiros. Estes sim, foram os que menos acharam graça. Aliás, é bem fácil de entender o porque disso. Não é nada engraçado ficar 8, 10 horas por dia de pé tentando enfiar na cabeça de dezenas de crianças que, via de regra, não têm esperança nenhuma nesta vida, de que vale mais a pena ser honesto e batalhar por um salário mínimo no final do mês do que virar soldado do tráfico. E tudo isso praticamente sem recurso nenhum, em salas de aula que, no verão são quentes como o inferno e, no inverno, frias como os pólos. Realmente, olhando por esta ótica, a qual creio eu, o senhor DEVERIA, TINHA A OBRIGAÇÃO de conhecer não dá prá achar graça. Rir então, só se for de nervoso.

US$ 10 BILHÕES é muito dinheiro. E tem outra, senhor presidente : Saiba que pega mal ficar por aí dizendo que foi O SENHOR que emprestou este dinheiro. Que eu saiba, o senhor e a sua corja ainda não tomaram conta do Brasil como tem feito o seu muy amigo Chavez lá na Venezuela. Esse dinheiro É MEU e de todos os outros brasileiros que, assim como eu, trabalham como CAMELOS, pagam impostos EXORBITANTES para manter esta camarilha engravatada aí em Brasília nos roubando o tempo todo e que ainda têm que aguentar serem INSULTADOS e AGREDIDOS quando o senhor resolve nos TAXAR de ELITE só porque tivemos a competência de, com nosso suor, conquistar pequenos luxos como casa própria ou um bom automóvel. E não importa se temos olhos azuis, negros, castanhos ou verdes. Somos todos brasileiros e todos trabalhamos pela riqueza deste país e por isso, só por isso, não é justo que sejamos tratados com tanta falta de respeito.

Por quê o senhor mesmo não tira esta sua BUNDA GORDA do seu trono aí em Brasília e vai para a rua ver como vive seu povo ? Eu lhe convido a visitar o colégio onde minha esposa trabalha para que o senhor possa ver aquelas crianças indo prá aula às 7:30 da manhã debaixo de um frio implacável usando só um casaquinho leve - que muitas vezes é só o que eles têm - e chinelinhos de dedo. Eu juro pro senhor que se, mesmo depois de ver isso o senhor AINDA sentir orgulho de ficar dizendo por aí que emprestou dinheiro para aquela cambada de gringos sem vergonha enquanto o seu povo sofre com a falta de tanta coisa, eu paro de lhe incomodar, me mudo de país e nunca mais falo no assunto.

Enquanto isso, senhor presidente, conte outra, porque, dessa piada vai ser difícil rir.

2 comentários:

ARLETE disse...

Não tem como não ficar indignada,
em casa de ferreiro o espeto é de pau!
Dificil de + aceitar que alguém que venha de origem humilde que por certo conhece melhor que ninguém as necessidades do povo, sabe e se faz negligente,ignora a miséria do seu país e em seus discursos (que mais parecem deboches)bate no peito e grita aos quatro ventos que tudo vai muito bem obrigado!
E enquanto nosso ilustre presidente se gaba,lustra o ego acreditando ser o "CARA", o povo samba no país do carnaval.
Lamentavel,empresta dinheiro ao FMI,ao menor alarde de qualquer necessidade em outros países ele corre e oferece ajuda, sempre em dinheiro que nem é dele,quando não é dinheiro ele oferece remedios,curioso é que aqui no país em praticamente todos os estados a falta de remedios,sem falar de tantas outras coisas que faltam se fosse inumerar faltaria espaço,mas todo mundo já sabe de tudo isso, por estas e por outras a grande verdade é que passou da hora de nós,o povo brasileiro rever mesmo nossos conceitos e começar a exercer nossa cidadania em sua totalidade(conjunto de deveres e direitos) e dar um basta em todos os absurdos que nos são impostos a tanto tempo.
Que mais dizer?Lamentavel,vergonhoso,absudo,revoltante,etc...
Faltam palavras!

ABRAÇO,BOM FINAL DE SEMANA PRA VOCÊS.

Alice disse...

tem hora que até a alma se cala.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails